Estação Cultura / Foto: Ferraresso

Prefeitura recomenda uso de máscaras de proteção nas farmácias e mercados

24/04/2020
Foto: Prefeitura de Campinas | Manoel de Brito

A Prefeitura de Campinas publicou no Diário Oficial da última quarta-feira (22), decreto que alterou o uso de máscaras em Campinas.  De acordo com a publicação, os serviços essenciais, como farmácias e supermercados, devem recomendar o uso de máscaras de proteção aos clientes.

Anteriormente, estava previsto que esses serviços poderiam impedir o atendimento de clientes que não estivessem usando máscaras de proteção. No entanto, as farmácias e supermercados devem fornecer e determinar o uso desses equipamentos de proteção para os funcionários que atuam no atendimento ao público, além de álcool em gel para uso dos clientes.

“Pedimos para que as pessoas nos ajudem nessa questão do uso de máscaras. Usem sempre que forem sair de casa”, disse o prefeito em transmissão ao vivo pelas redes sociais no dia 22 de abril.

População deve usar máscaras de tecido

A orientação do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) é que a população utilize máscaras caseiras, de tecido, e deixe as máscaras cirúrgicas e N95/PFF2 para os profissionais de saúde.

De acordo com a diretora do Devisa, Andrea Von Zuben, um estudo aponta que o uso de máscara faz com que a taxa de transmissão diminua muito. No site coronavirus.campinas.sp.gov.br,  no link de recomendações técnicas, existe um material
que ensina como fazer a própria máscara.

A Secretaria de Saúde está preparando uma regulamentação específica para o uso de máscaras dos usuários dos serviços de saúde, públicos e privados.

ir para o topo

Enviar