Estação Cultura / Foto: Ferraresso

Prefeitura contrata Hospital Metropolitano para doentes com coronavírus

Unidade conta com 46 leitos, divididos entre UTI adulta e retaguarda clínica

07/04/2020
Foto: Reprodução | Hospital Metropolitano Campinas

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, anunciou nesta segunda-feira, 6 de abril, em transmissão ao vivo pela internet, que vai contratar o Hospital Metropolitano para atender exclusivamente a pacientes com Covid-19. O hospital fica na Avenida das Amoreiras, 315, próximo ao Hospital Mário Gatti. A unidade conta com 46 leitos, sendo 15 de UTI adulta e 31 de retaguarda clínica.

“Nós temos falado que melhor do que improvisar leitos, é tentar um espaço onde já exista ambiente hospitalar. O Hospital Metropolitano está sob intervenção judicial e enviaremos ainda hoje a proposta para a Justiça do Trabalho”, afirmou o prefeito.

A negociação com a Prefeitura foi tratada em uma reunião nesta manhã com a participação do Ministério Público, Vara do Trabalho e representantes do hospital.  O juiz do Trabalho, Rafael de Almeida, vai analisar a proposta e deve ter uma resposta até o final desta semana.  A ideia é que o hospital comece a funcionar a partir da próxima segunda-feira, dia 13.

O contrato estabelece a prestação de serviços durante três meses, com aporte mensal de R$ 2,2 milhões e pagamento antecipado. A contratação inclui o prédio, os equipamentos e os 85 funcionários em geral, além dos 40 médicos.  O hospital será porta fechada (não haverá atendimento de demanda espontânea nem pronto-socorro)  e apenas pacientes enviados pela Central de Regulação serão atendidos no local.

A unidade atenderá dois tipos de pacientes: aqueles que precisam da UTI e os que precisam de internação clínica.

Com a proposta, Campinas ganha agilidade para tratar pacientes com Covid-19 porque as instalações do hospital já estão prontas.

Médicos do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) fizeram uma visita técnica ao hospital confirmando que a unidade tem estrutura para o atendimento.

ir para o topo

Enviar